Blog

Como reduzir custos da sua frota com treinamentos para os motoristas

Escrito por: Flávia Silveira

Você está treinando sua equipe, alinhando processos, monitorando, analisando os resultados e, ainda assim, não consegue alcançar a redução de custos operacionais?

Neste artigo, destacamos alguns dos custos da sua frota que mais tiram o sono dos gestores e apresentamos dicas para te ajudar a manter o balanço financeiro positivo e a integridade física de seus condutores, através de ações de treinamento e desenvolvimento. 

O primeiro passo é reconhecer que, para minimizar custos e recursos materiais e humanos, é fundamental lançar mão de ferramentas precisas e objetivas para o enfrentamento dos seus ofensores. Afinal, se você não tem um foco, qualquer resultado é válido. Para obter uma base de informações assertivas, você deve:

  • monitorar dados produzidos por telemetria ou softwares de gestão;
  • conhecer as demandas identificadas pelos motoristas utilizando questionários;
  • elaborar treinamentos acessíveis que atendam às demandas técnicas e comportamentais.

Mas, afinal, quais custos operacionais a área de treinamento e desenvolvimento pode ajudar a reduzir? Veja algumas dicas abaixo!

Desperdício com o consumo de combustível

A partir de um diagnóstico bem realizado, você conseguirá identificar as principais situações de desperdício de combustível e, então, será capaz de desenvolver cursos com o objetivo de modificar comportamentos de sua equipe. Outra possibilidade é desenvolver treinamentos técnicos sobre direção econômica. Procure conhecer onde estão as falhas da sua equipe para saber quais ações serão mais efetivas.

Outra opção para o aprimoramento técnico de seus colaboradores são os treinamentos com simuladores de direção, que utilizam a telemetria para indicar os erros cometidos por cada um de seus motoristas, permitindo ainda mais assertividade quando integrados a um programa de treinamento.

Gastos extras com reparação dos veículos da frota

A falta de manutenção preventiva dos veículos está relacionada à ocorrência de 27% dos acidentes urbanos e rodoviários no país. Não há dúvidas de que a manutenção preventiva é melhor e mais econômica do que reparar acidentes, que, em alguns casos, podem até custar vidas humanas. Treinar seus condutores garante que todos saibam como, quando e porque realizar a manutenção preventiva e a direção econômica.

Trata-se de treinamentos comportamentais que podem ser realizados, por exemplo, com o apoio de vídeos interativos que demonstram as consequências da falta de manutenção.

Despesas com multas de trânsito

No caso de multas, você deve conhecer profundamente os perfis dos infratores e as condições em que ocorrem as infrações. Esse diagnóstico será de grande valia para desenvolver, ou contratar uma equipe que desenvolva, uma solução educacional.

Ao identificar os perfis dos infratores, torna-se possível desenvolver cursos de capacitação ou reciclagem específicos para cada perfil. Neste caso, também é importante desenvolver um trabalho contínuo, só assim terá mais efetividade em melhorar os resultados dos treinamentos para os motoristas.

Custos com afastamento médico por acidente de trabalho

Altas taxas de acidentalidade na empresa geram prejuízos a curto, médio e longo prazo. Também eleva a insegurança e a insatisfação dos motoristas, além de afetar a imagem da marca por ser reconhecida como uma empresa que causa muitos acidentes. Sem falar nos custos com indenizações a terceiros que foram prejudicados pela condução dos seus motoristas.

Para reduzir esses custos, treinamentos focados em direção defensiva são altamente recomendados. Estes treinamentos podem ocorrer de forma presencial e on-line – através de plataformas digitais que monitoram os alunos na realização das aulas-, e envolvem conhecimentos sobre legislação, regras de segurança e condução em situações adversas.

O treinamento de direção defensiva, por exemplo, pode utilizar simuladores para diagnosticar as principais dificuldades e desconhecimentos dos condutores e, a partir deste diagnóstico, trabalhar os conteúdos personalizados.

Conclusão

O alinhamento entre a gestão da manutenção dos veículos e os treinamentos dos profissionais é um investimento e não um custo adicional, afinal, os benefícios são muitos para a corporação, assim como para os colaboradores:

  • maior assertividade nas ações de treinamento;
  • o diálogo com motoristas pode ajudar a identificar dificuldades não previstas;
  • redução de custos financeiros contínua e sustentável;
  • redução de acidentes, mortes de motoristas e terceiros

Quer entender mais como a Younder – empresa especializa em treinamento de equipes técnicas e operacionais -, pode ajudar a você a melhorar a eficiência dos treinamentos da sua frota? Fale com um dos nossos especialistas.