Treinamento equipes técnicas

Treinamento EAD: como a tecnologia está revolucionando as capacitações

Escrito por: Carlos Bafutto

A capacitação de equipes tem passado por transformações sem precedentes nos últimos anos. E a tecnologia está entre os principais responsáveis por tantas mudanças.

Com o treinamento EAD resolvemos as limitações da logística e gerenciamos melhor o tempo dos colaboradores que param suas funções para capacitação, além de avaliar resultados com maior precisão, entre outros benefícios. Tudo com mais eficiência, qualidade e agilidade.

Se utilizada de forma correta, a tecnologia faz toda a diferença nos resultados dos treinamentos EAD dados aos seus colaboradores. Nesse sentido, é preciso a atuação de especialistas em educação para fazer de um treinamento, uma ação transformadora e eficiente.

Assim, torna-se imprescindível o empenho em reunir recursos tecnológicos de forma inteligente e disruptiva, sempre com vistas em resultados que proporcionem escalabilidade aos processos desenvolvidos pelos colaboradores.

Veja a seguir, algumas das soluções tecnológicas que a Younder utiliza para desenvolver seus colaboradores em treinamentos EAD.

Plataforma EAD

Na plataforma EAD o aluno acessa um curso ou treinamento pela internet. É nesse ambiente que ele encontra suas aulas, tarefas, arquivos e tudo que for pertinente ao seu curso.

Cada aluno tem seu perfil – com login e senha – onde poderá ter acesso às aulas, atividades propostas, arquivos, avaliações, chats, fóruns, enfim, tudo que for necessário para seguir seu curso.

A plataforma digital da Younder foi desenvolvida para fornecer um visual simples e intuitivo para o aluno, o que facilita o trabalho do instrutor ao gerir o desempenho dos motoristas.

Chats | Fóruns

Mesmo com tantas inovações na área de educação, uma figura ainda é praticamente imprescindível: o professor (ou instrutor). Cabe a ele garantir a aprendizagem adequada, bem como, a avaliação do aluno. Em treinamento EAD não poderia ser diferente.

Mas como se dá a relação entre aluno e professor num curso online? Em que hora e como eles se encontram?

É aí que entram os chats ou fóruns.

É por meio deles que alunos e instrutores podem se comunicar por meio de mensagens instantâneas e fóruns de discussão. É por meio dessas ferramentas que os alunos podem buscar orientações com seus professores, tutores ou facilitadores.

Webconferências

Trata-se de uma ferramenta de comunicação que combina uma audioconferência com recursos visuais para que alunos e professores possam interagir em tempo real.

Tanto alunos como professores podem apresentar arquivos, links, vídeos etc, de forma colaborativa pela construção do conhecimento.

Vídeo aulas

Elas são a forma mais comum de EAD. As vídeo aulas podem ser ministradas em tempo real ou podem estar gravadas e disponíveis na plataforma. Cada caso tem suas vantagens.

Se nas aulas gravadas, o aluno conta com a flexibilidade de acessar na hora mais conveniente, nas aulas ao vivo, ele tem mais interação com o professor.

Em ambas modalidades, no entanto, o aluno conta com todas as vantagens que os recursos multimídia podem proporcionar: gráficos, vídeos, animações, quizzes etc.

Como as TICs – tecnologias de informação e comunicação – podem ajudar em seu treinamento EAD

Tecnologias de informação e comunicação (TICs) são recursos tecnológicos que, no âmbito do ensino online podem ser representadas por ferramentas como as elencadas acima. Elas são capazes de aprimorar o processo de aprendizagem de um curso ou treinamento EAD.

As TICs podem aprimorar (e muito) a qualidade da educação. Com elas é possível proporcionar novas metodologias para o aperfeiçoamento de um treinamento ou capacitação.

Afinal, com tantos recursos, a aprendizagem se torna uma experiência cheia de significado e, portanto, muito mais motivadora.

Além disso, graças à interatividade aliada a flexibilidade da EAD, pode-se aumentar significativamente a autonomia, a integração dos alunos com os professores ou instrutores. Isso sem falar nas novas experiências que têm o poder de despertar a curiosidade e construir competências.

Inteligência pedagógica para treinamento EAD

Existem atualmente diversas propostas pedagógicas destinadas à diferentes ambientes em Plataformas Digitais ou Learning Management Softwares (LMS) . O desafio, entretanto é saber utilizar essas tecnologias de forma a proporcionar ao aluno habilidades e competências da forma mais eficaz possível.

Para que o uso da tecnologia seja eficiente no processo de ensino, é fundamental que exista um planejamento didático visando o que pode ser convencionado por “inteligência pedagógica”.

Nesse sentido, se faz necessária a atuação de profissionais de design instrucional habilitados para implementar a  adaptação dos treinamentos para o formato digital, com todas as possibilidades que essa modalidade proporciona.

Aplicativos em prol dos treinamentos EAD

Google Classroom

Totalmente gratuito, o aplicativo – também conhecido como Google Sala de Aula – possibilita a criação de turmas, distribuição de tarefas, além de novas formas de comunicação e organização para uma aula mais completa.

Ele foi desenvolvido de forma colaborativa com professores e oferece ferramentas de produtividade que inclui e-mail, documentos e armazenamento. Entre as principais funcionalidades destacam-se:

  • Gerenciar várias turmas;
  • Compartilhar postagens com várias turmas;
  • Arquivar turmas para consultas futuras;
  • Adicionar materiais às atividades;
  • Desenhar, destacar e escrever anotações em documentos e PDFs;
  • Planilhas;
  • Personalizar tarefas;
  • Adicionar categorias das notas, datas de entrega, pontuações e tópicos às atividades;
  • Atividades individuais para alunos específicos em uma turma;
  • Programar postagens;
  • Votações e atividades rápidas;
  • Personalizar a aparência da turma;
  • Criar uma agenda para cada turma e a atualizar com trabalhos e datas de entrega;
  • Personalizar a atribuição de nota;
  • Adicionar anotações e feedback visual aos trabalhos dos alunos;
  • Transferir notas para o Planilhas Google ou um arquivo CSV;
  • Integração com outras ferramentas de ensino;
  • Feedback em tempo real;
  • Criar e gerenciar debates entre os alunos;
  • Enviar conteúdo para as telas dos alunos.

Kahoot

Kahoots são jogos interativos para ajudar os alunos a praticar a língua inglesa e desenvolver suas habilidades no idioma. Podem incluir música e imagens para envolver os alunos e tornar o aprendizado mais interessante e agradável.

Eles podem ser jogados nos modos jogador contra jogador ou equipe contra equipe ou atribuídos como desafios para um estudo independente.

Além disso, oferecem aos professores a flexibilidade de usá-los em aulas on-line, em salas de aula presenciais ou em casa.

Veja outros aplicativos que auxiliam o aprendizado.

Ferramentas de comunicação em tempo real

Zoom

Serviço de videoconferência usado para reuniões por vídeo, áudio ou ambos. Ele permite gravar essas sessões para visualização posterior. A versão paga do Zoom hospeda até 500 participantes. Já o plano gratuito permite videoconferências de até 40 minutos com até 100 participantes.

Skype

Programa de troca de mensagens disponível em diferentes plataformas. O usuário pode optar por usar uma versão web do Skype por meio de um navegador comum de Internet. Ele oferece modalidades gratuitas e pagas, como o Skype for Business, e dispõe de uma  variedade de recursos.

É possível usar o app para trocar mensagens de texto, fazer chamadas de vídeo e conferências com as funcionalidades especiais da versão Business.

O aplicativo tem boa integração com o pacote Office e permite o gerenciamento das contas dos alunos de um treinamento, possibilitando conferências com até 250 participantes.

Ferramentas para compartilhamento de documentos

Google Drive

Serviço de disco virtual que permite o armazenamento de arquivos na nuvem do Google. Os arquivos armazenados nele podem ser compartilhados entre seus usuários através de suas contas do Google Drive.

Ele permite que o usuário escolha com quais contatos irá compartilhar cada arquivo além de decidir o nível de permissão de cada pessoa, escolhendo quem apenas poderá visualizar, editar ou comentar nos seus arquivos.

O serviço dispõe de integração automática, oferecendo aos usuários edição colaborativa de seus arquivos no Google Docs.

Dropbox

Software de gerenciamento eletrônico de documentos on-line para uso individual ou entre equipes. Trata-se de um repositório de documentos na nuvem que tem o objetivo de simplificar a organização de arquivos digitais.

No Dropbox é permitido a criação de um backup de qualquer arquivo, pasta ou disco rígido em um local de armazenamento externo.

Ferramentas para colaboração entre alunos

Microsoft Whiteboard

Lousa digital onde diversos usuários podem escrever ao mesmo tempo, ainda que não estejam no mesmo local. A ferramenta permite que o usuário selecione objetos para movê-los, recortá-los e copiá-los.

Trello

Ferramenta de gerenciamento de projetos em listas que pode ser ajustada de acordo com as necessidades do usuário. Ele facilita bastante o trabalho colaborativo organizando projetos em quadros. Pode ser usado em versão web (para computadores ou via aplicativo – gratuito – para celulares.

O sistema permite a criação de listas de tarefas a serem seguidas individualmente ou em equipe. Com o Trello, os usuários têm uma visão do que está sendo trabalhado, quem está trabalhando em quê, e onde algo está em um processo.

Conclusão

Essas são apenas algumas das numerosas ferramentas que a tecnologia oferece em prol da educação. A utilização planejada e inteligente de tantos recursos pode fazer de um treinamento digital algo realmente efetivo e transformador.

Mas é preciso saber utilizar com equilíbrio e inteligência, a fim de atender os objetivos de aprendizagem planejados para a aula.

É provável que você já utilize algumas dessas tecnologias em seu dia-a-dia e possa imaginar o que elas podem fazer em um projeto educacional.

Venha conversar com a Younder e saiba como estamos sempre em busca da melhor aplicabilidade da tecnologia em treinamentos. Clique aqui para conhecer a nossa metodologia educacional.