Treinamento e Desenvolvimento

Treinamento presencial: 3 dicas para voltar sem perder a eficiência

Escrito por: Equipe Younder

O modelo de treinamento presencial ocorre com os alunos presentes fisicamente nas aulas, normalmente dentro das próprias empresas. Esse ambiente tem várias vantagens, como uma maior interação entre funcionários, a troca de experiências e as atividades práticas.

Afinal, como capacitar a equipe para a volta dos treinamentos presenciais sem perder a eficiência?

Depois de um longo período de atividades através do formato EAD,muitas empresas estão voltando ao formato presencial ou híbrido.

Porém, a grande dúvida dos gestores de RH  nesse momento é como manter o engajamento e a eficiência dos treinamento presenciais, depois que a equipe passou um longo tempo com treinamentos a distância.

Por isso, separamos 3 dicas especiais de como você pode treinar e desenvolver seus colaboradores a partir de boas práticas para incentivar o treinamento corporativo presencial.

Confira!

Afinal, o que é o treinamento presencial?

Com a aceleração do home office, muitas empresas passaram a utilizar o treinamento online, que são as capacitações decorridas virtualmente.

Agora, todos estão tentando se readaptar ao presencial, e não é diferente para as empresas que fazem investimento em treinamentos para o desenvolvimento das carreiras dos seus colaboradores.

O modelo de treinamento presencial ocorre com os alunos presentes fisicamente nas aulas, normalmente dentro das próprias empresas.

Esse ambiente tem várias vantagens, como uma maior interação entre funcionários, a troca de experiências e as atividades práticas.

Treinamento presencial x treinamento remoto

Mas afinal, quais são as diferenças entre os dois tipos de treinamento?

Os treinamentos presenciais são um encontro físico entre os colaboradores, com locação de lugar, organização de equipe, entre outros.

Já o treinamento remoto ocorre virtualmente, ou seja, online, por meio de uma plataforma LMS, e normalmente no momento em que o colaborador tiver disponibilidade.

O treinamento remoto foi uma ferramenta adotada para facilitar o acesso à educação corporativa durante a Pandemia do Coronavírus, viabilizando que todos estejam assistindo às aulas independente dos seus horários ou das dificuldades advindas desse momento.

Quais as vantagens de cada um?

Esses dois tipos de treinamento e desenvolvimento também apresentam diferentes benefícios.

O modelo de treinamento presencial permite:

  • Atividades práticas;
  • Troca de experiências e diálogos que impulsionam o aprendizado no dia a dia;
  • Maior interação entre alunos e professores, o que facilita a percepção de que dúvidas existem e o solucionamento delas fica mais fácil quando compartilhadas;
  • Maior comprometimento e foco do aluno, já que ele precisa ir presencialmente, ficando mais distante das atividades de casa e das distrações;
  • Bom acesso ao curso independente do estado da internet do colaborador ou dos estresses domésticos.

Já o modelo de treinamento remoto permite:

  • Mais autonomia e flexibilidade, permitindo que o colaborador decida qual é o melhor horário para assistir ao curso e evitando desistências por cansaço;
  • Mais meios de revisar o que foi aprendido;
  • Uma maior diversidade dos formatos de aula (podcast, vídeo, jogo, etc.);
  • Mais engajamento nos treinamentos a partir da aplicação de formatos dinâmicos;
  • Um custo menor para a empresa, que não precisa manter uma sala de aula;
  • As provas e questionários podem ser corrigidos de forma automatizada.
Modelo de Briefing para Treinamento

É vantajoso manter o treinamento presencial?

Apesar da recente adaptação ao treinamento online, o modelo de capacitação presencial ainda é bastante querido pelas empresas.

De acordo com a pesquisa Panorama do Treinamento no Brasil 2019/2020, da Associação Brasileira de Treinamento & Desenvolvimento (ABTD), 71% das organizações permanecem optando por treinamentos presenciais. 

Os funcionários que trabalham em empresas enfrentam, por vezes, dificuldades em casa. Muitos são pais e mães e estão acompanhados de seus filhos pequenos, que não permitem tanta calmaria para o aprendizado.

O isolamento da sala de aula online, com só o aluno e a sua tela, também pode ser desmotivador, principalmente para alunos que preferem o presencial para manter a atenção..

Sem a interação e a troca de conhecimento instantânea do treinamento presencial, fica mais difícil compartilhar pensamentos, além de um debate para esclarecer melhor quais dúvidas existem sobre o tema.

Muitos alunos também sentem tédio decorrente de exercícios que só ocorrem em frente a uma tela e sem o acompanhamento presencial humano.

Esses empecilhos acabam por fazer com que a capacitação presencial ainda seja muito preferida pelas empresas, mesmo que alinhada ao treinamento remoto (ensino híbrido), possibilitando o melhor dos dois mundos.

3 dicas para retornar ao presencial sem perder a eficiência 

Mas agora que já estamos adaptados ao ensino online, como voltar ao treinamento presencial sem perder a eficiência? Confira as nossas dicas:

1) Promova a interação do grupo

É muito interessante criar laços de confiança entre os colaboradores para que eles tenham mais harmonia, boa comunicação e possam até mesmo se conhecerem melhor.

É claro, esses benefícios vêm de uma construção diária, mas há como promover mais interação durante os treinamentos.

Com treinamentos presenciais para equipes de diferentes departamentos, é possível estimular uma boa convivência entre os times. Uma palavra que tem sido bastante usada é a cocriação, excelente ferramenta para estimular a união.

Para empresas, a cocriação é uma mão na roda, dado que possibilita que diferentes equipes entendam as suas participações e papéis na hora de atingir um objetivo.

Durante o treinamento, a cocriação pode ser usada para que os papéis dos membros fiquem mais claros, para desenvolver empatia, senso de responsabilidade e melhorar a atuação em conjunto.

Também é importante manter o diálogo aberto, alimentando uma cultura em que feedbacks (positivos ou negativos) sejam naturais, assim como tirar dúvidas, comunicar problemas, empecilhos e outras informações, o que evita ruídos entre os times.

Não se esqueça que os treinamentos podem ser técnicos, mas também podem ser motivacionais, incentivando o otimismo, o engajamento, a paciência ou outras qualidades da inteligência emocional que sejam importantes para a sua equipe.

Quer saber as nossas 3 dicas práticas para promover integração na empresa? Confira o nosso artigo.

2) Utilize práticas que estimulem o foco e a disciplina 

Para motivar a equipe e gerar mais foco e disciplina, o estabelecimento de metas e desafios com bonificações ajudam a gerar mais comprometimento durante o treinamento dos funcionários.

Na realidade, todo reconhecimento do esforço diante de uma equipe que atinge objetivos é uma ótima forma de gerar foco, pois os colaboradores se sentem mais engajados: folgas, brindes, troféus, feedbacks positivos ou até outras opções criativas são interessantes.

É importante acompanhar e compartilhar os resultados da equipe de forma respeitosa, sem gerar uma competitividade que não seja saudável, portanto, os objetivos também devem ser realizáveis para que não desanimem o time.

Monitore a evolução dos funcionários de maneira constante, por meio de métricas confiáveis e que sejam esclarecidas para todos. Crie metas para cada aluno individualmente, mas também para serem batidas por equipe, estimulando a cooperação. 

Quer entender mais métodos para motivar e estimular o foco nas equipes? Temos um artigo com 8 dicas! Leia mais.

3) Crie momentos de descontração

Também no treinamento presencial, podemos criar eventos, comemorações e momentos para que a equipe interaja com a finalidade da aprendizagem, mas de forma descontraída e divertida.

Há várias maneiras de tornar os treinamentos mais dinâmicos, como a gamificação, que se trata de utilizar formatações parecidas com jogos para desafiar a equipe. Se quer saber mais sobre essa prática, confira o nosso artigo com 3 ideias para aplicar. 

Assim, ao mesmo tempo que você cumpre o objetivo de aprendizagem, também estimula a os momentos de descontração e entretenimento.

É interessante construir um ambiente diferenciado com coffee break, Workshops, programação com atividades variadas, como filmes, vídeos, áudios, e outros formatos.

Gostou das nossas dicas sobre treinamentos eficientes? Nós temos muito mais para te ajudar! 

Somos especialistas em treinamentos online, presenciais, híbridos, práticos e teóricos. Fazemos aulas personalizadas, de acordo com o que os seus colaboradores precisam. Converse agora com um dos nossos especialistas!