Gestão de Frotas

DDS: saiba como aplicar essa ferramenta para melhorar a segurança da frota

Escrito por: Equipe Younder

O DDS – Diálogo Diário de Segurança – é uma ferramenta muito utilizada pela equipe de segurança do trabalho com propósito de criar uma rotina diária para abordar temas relacionados à segurança do colaboradores. Nesse sentido, convidamos a especialista de frotas Morgania Crisna, para dar algumas dicas de como adaptar essa metodologia para na gestão de frotas.

Garantir a segurança e o bem-estar dos seus colaboradores é um dos deveres da empresa. Mas, você conhece ou já coloca em prática o DDS para a segurança do seu colaborador?

Neste conteúdo, abordaremos o DDS para motoristas, sigla para Diálogo Diário de Segurança, que deve ser feito dentro da empresa com o intuito de otimizar e propagar a segurança no ambiente de trabalho e durante o serviço da frota.

Confira a seguir o que é o DDS para motoristas, como você pode aplicá-lo e quais temas podem ser abordados por sua equipe para melhorar a segurança dentro da frota. Boa leitura!

O que é um DDS? 

O DDS, como falamos, significa Diálogo Diário de Segurança. Na prática, trata-se de conversas entre a liderança e os colaboradores, realizadas diariamente, antes do início da rotina de trabalho. Não precisam durar muito – cerca de 10 minutos – e possuem como tema principal a segurança no local de trabalho.

São instruções sobre o uso adequado de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e de Equipamentos de Proteção Coletiva (EPCs), as normas regulamentadoras, as regras da própria empresa, as formas de prevenir acidentes de trabalho ou qualquer insegurança etc.

Mas não apenas isso, pois há o DDS motivacional, que também pode cuidar da saúde emocional dos colaboradores e abordar temas como saúde em geral, família, interações no ambiente de trabalho, entre outros assuntos.

Guia de atualização do CTB 2021

Por que fazer um DDS com a sua equipe é tão importante 

Mas, afinal, quais são os objetivos do DDS? Quais as suas vantagens? 

Além de garantir mais segurança aos colaboradores, o que já é de extrema importância, o DDS possui ótimas finalidades e traz diversos outros benefícios:

  • Melhora a comunicação entre os trabalhadores e com os líderes
  • Abre a possibilidade de tirar dúvidas sobre as regras de segurança
  • Melhora os processos de segurança
  • Otimiza o trabalho em equipe
  • Relembra aos colaboradores todas as questões de segurança necessárias
  • Abre um espaço para interações em geral

Além disso, contribui para melhorar a qualidade de vida de todos e reduzir despesas por causa de acidentes

Como aplicar o DDS com motoristas da frota?

Para começar, os diálogos do DDS devem ser conduzidos pelo líder da equipe, seja

  • técnico de segurança
  • engenheiro de segurança
  • ou, até mesmo, um especialista convidado

O indicado não é que os mesmos assuntos sejam repetidos, mas que temas diferenciados sejam levados para a equipe diariamente e trabalhados de forma a permanecer na memória dos funcionários. A conscientização irá ocorrer de forma mais leve e bem fixada.

Como falamos antes, as reuniões devem ser curtas. São diálogos diários, diferentes de palestras, então não devem ser mais longos do que 15 minutos, pois podem evitar dispersão ou atrasos no trabalho. 

Também não devem ser monólogos, mas um espaço aberto para contribuição. A dica é que o tempo seja bem delimitado, como 10 minutos para que o técnico de segurança fale e 5 minutos para uma interação entre todos, por exemplo.

Por ser pouco tempo, nem sempre uma dúvida ou questão será resolvida na hora. Aproveite para anotar questões, repassar o que houve durante a semana e analisar o que foi abordado para a próxima reunião. Apesar de ser uma prática diária, se a agenda não permitir, também pode ser feita semanalmente.

IMPORTANTE: Os DDS com os motoristas devem ser documentados com lista de presença de acordo com a norma de segurança NR-1.

eBook Tríade da Gestão de Frotas

O que fazer para manter o engajamento dos colaboradores durante o DDS?

Convidar profissionais da área de interesse sempre é interessante para diversificar o cenário. Afinal, ter sempre a mesma pessoa diariamente pode fazer com que a atividade se torne monótona e muito repetitiva. 

É claro, o gestor de frota ou técnico de segurança deve permanecer no local durante o encontro para guiar a interação e demonstrar a sua presença para a equipe. Lá ele terá espaço para analisar o time, entender as suas dúvidas e se aproximar.

Também é interessante usar exemplos do cotidiano. Assim, além de tirar a dúvida com mais eficiência, irá captar a atenção dos ouvintes, que se sentirão identificados. Deixe o diálogo aberto, com linguagem simples, para que tudo seja interativo e facilmente entendido.

Se possível, utilize imagens, apresentações em PowerPoint, objetos diferenciados e até mesmo a gamificação como aliada. Se você ainda não conhece a gamificação, leia mais aqui.

Maio Amarelo 2021 - Quiz interativo Younder

Domine temas que podem ser abordados com motoristas 

Conheça agora as nossas dicas de temas para abordar nos Diálogos Diários de Segurança com a sua frota:

Direção defensiva: trata-se de orientações para prevenir acidentes de trânsito. Leia mais para formular já o seu planejamento para o DDS.

Cuidados com o veículo: boas práticas, como verificações diárias, ações para a manutenção do bom estado e mais.

Leis de trânsito: atualize os condutores quanto às leis.

Como agir diante de condições adversas na via: aproveite o nosso material para formular o seu DDS.

Cuidados com a carga: o que fazer para que a carga chegue ao destino final da melhor forma para o cliente.

Por meio dessas conversas rápidas, o gestor mantém a equipe consciente, minimiza riscos e contribui para melhorar o ambiente de trabalho como um todo. 

Conte com a gente nessa jornada! A Younder fornece diversos treinamentos de segurança que serão grandes temas para o seu DDS.

Dica: Não limite-se somente aos assuntos técnicos, também podem ser abordados conteúdos como saúde e educação financeira, pois se o condutor não estiver bem física, mental ou financeiramente, dificilmente ele se sentirá motivado ou conseguirá exercer suas atividades da melhor forma.